Baluarte Infernal: Final

Veja a parte 1 e a parte 2.

Revelação

Os heróis chegaram a uma sala onde havia um círculo mágico e uma gárgula os atacou, dizendo que nunca passariam por ela. A luta foi fácil, mas os heróis estavam receosos com aquele círculo. Era de lá que estava saindo o som e o brilho amarelado, como se existisse um lugar além daquele círculo. Galanodel usou sua magia e descobriu que aquele círculo era um portal mágico, e que estava ali há muito tempo. Intrepidamente, entraram no círculo e imediatamente foram tomados por uma sensação de como estivessem caindo, além de uma tontura e era tão claro que não conseguiam enxergar. Agora estavam em um lugar completamente diferente e assim que chegaram viram drows esperando por eles.

Mapa do Templo Secreto

Havia cinco drows numa escada, e então eles começaram a ficar com medo dos heróis, indagando sobre como ainda poderiam estar vivos. Os heróis não responderam e os atacaram com força. Os drows nem queriam saber de lutar e tentavam escapar a todo custo, descendo pela escada até chegarem à uma outra sala e lá tentaram apenas se defender dos golpes e magias dos aventureiros, o que foi em vão.

Os heróis continuaram descendo e cada vez mais o lugar se tornava mais quente e amedrontador, com o ar parado e seco, e uma fumaça subia constantemente. A escuridão começou a dar lugar para uma luminosidade avermelhada e viram o final da descida. Chegaram em uma caverna muito grande, de várias seções intercaladas formando uma espécie de caminho até o solo, onde viram duas colunas postas paralelamente no que parecia ser um grande portal. Atrás das colunas viam o que parecia ser uma janela para um outro mundo, onde os céus eram vermelhos, os rios eram de lava e havia seres horrendos por toda a parte. Chegando mais perto, os heróis viram vários drows cantando em uníssono comandados por um homem de armadura toda negra.

Quando chegaram ao solo, numa plataforma circular, parecia que uma torre de um grande baluarte estava se materializando logo ali na frente do portal. Então o homem falou, mas sua voz soou como o de uma mulher e então notaram que suas feições esguias eram de uma mulher. Então tirou o elmo e Luriel caiu de joelhos, pois era sua irmã Alana! Ela disse que queria poder e com isso conseguiu encontrar um poderoso artefato, o Diamante de Sangue e com ele, ela se aliou aos drows e começou seu plano de trazer o Baluarte Infernal para o Plano Material.

A Batalha Final

Os heróis estavam decididos a acabar com essa loucura e lutariam até a morte, mas não sem levar Alana com eles. Foi nesse momento em que ela tocou o Diamante de Sangue no centro de sua armadura e invocou um poderoso diabo chamado Hazaru. Ele surgiu de uma nuvem de fumaça sulfurosa, que rapidamente deu lugar ao seu corpo grotesco, todo negro, cheio de pelos. Sua cabeça possuía vários chifres e detinha uma grande barba. Ele carregava uma glaive dentada e atacou os heróis a mando de Alana.

Hazaru

Silvenus conjurou um hipogrifo e um crocodilo gigante e os dois obedeciam aos comandos dele. Galanodel usava seus mísseis mágicos e viu que seu raio ardente não fazia efeito no diabo. Os golpes de Luriel eram pouco eficazes e não feriam o mostro. Grudyff usava sua Ervinak, mas era pouco eficaz.

Os heróis lutavam com ferocidade e paixão, e juntaram-se para tentar acabar com Alana. Nesse momento a plataforma começou a se erguer rapidamente e parecia que estavam em outro plano. Continuaram a lutar até que finalmente venceram. O diabo foi tragado pelo portal e Alana foi junto. A plataforma continuou subindo até chegar à um ponto de luz, que quando viram estavam no céu, descendo até Alaranthar.

Epílogo

Os heróis receberam uma grande festa em sua homenagem e ganharam quatro anéis mágicos, forjados a partir do anel de Sillarius, que os protegeria dos inimigos e representavam cada um dos heróis. A Floresta Alaran foi renomeada para Alarantyr, para representar a união das cidades da floresta.

Alarantyr

Finalmente os heróis viram que era hora de se separar, buscar novos caminhos e se despediram, cada um indo para um canto de Faerûn, prometendo um dia se encontrar novamente…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s